Garanta Seu Ingresso

Em congresso, Dener diz que Porsche GT3 Cup é um grande laboratório para a Porsche

O Porsche GT3 Cup Challenge Brasil participa nesta semana do Congresso SAE Brasil 2012, no Expo Center Norte, em São Paulo, como expositor de equipamentos e ideias. Na terça-feira, dia de abertura dos trabalhos no Pavilhão Vermelho, Dener Pires fez parte do painel sobre automobilismo, entitulado “O apoio das montadoras e sistemistas ao motorsport”, e expôs aos espectadores como funciona o evento automobilístico do qual ele é diretor. Foram quase duas horas de conversa e troca de informações.

Em seu discurso inicial, Dener contou que o Porsche GT3 Cup Challenge Brasil tem uma ligação de mão dupla com a montadora alemã. “Nossa troca com a Porsche é praticamente simultânea”, disse. “Temos uma equipe que cuida de quase 50 carros. É um grande laboratório para a Porsche na Alemanha. Não existe uma equipe que cuide de tantos carros. Conseguimos, então, ter uma avaliação bem fina do que acontece. Já a Porsche nos passa as novidades, nos alerta sobre o que pode acontecer.”

O diretor afirmou que, na Porsche alemã, se aproveitam nos automóveis de passeio conhecimentos e tecnologias das pistas. “Como os carros de rua da Porsche já são extremamente esportivos, dá para entender quando alguma coisa chega às pistas e depois é desenvolvida para os veículos de rua”, declarou Dener, que ressaltou que no Porsche GT3 Cup Challenge Brasil o objetivo é a obtenção da maior igualdade possível entre os carros.

De acordo com Dener, o campeonato é também uma oportunidade para jovens engenheiros mostrarem serviço: “Vimos chegar às nossas categorias um monte de gente com capacidade, mas que não havia conseguido colocar seus conhecimentos em prática. Outros não os tinham, mas os adquiriram lá dentro”.

Também participou do debate Nonô Figueiredo, piloto-consultor do Porsche GT3 Cup Challenge Brasil, que falou um pouco sobre seu trabalho: “É muito gratificante e me sinto privilegiado por fazer parte da estrutura do Dener. Esse trabalho de consultor é difícil, porque uma coisa é você saber fazer, outra é ensinar. Com a estrutura que o Dener oferece, que inclui um carro com banco de passageiro e rádio, o instrutor e o piloto em treinamento conseguem conversar ao mesmo tempo que este melhora seus procedimentos”. Nonô e outros pilotos-consultores também são responsáveis por fazer os testes pré-corrida nos carros.

No Congresso SAE Brasil 2012, evento sobre inovações tecnológicas do setor da mobilidade que vai até esta quinta-feira, o Porsche GT3 Cup Challenge Brasil tem um estande. Lá estão expostos um caminhão Volkswagen 24.250 que, em fins de semana de corrida, é um laboratório de preparação de motores e câmbios e dois Porsches de competição, os de Ricardo Baptista e Sylvio de Barros, atualmente líderes das tabelas de pontuação das categorias Cup e Challenge, respectivamente. O baú do caminhão é uma espécie de corredor, em que o público entra pela lateral, vê a “oficina móvel”, passa por uma exposição de fotos da categoria e sai pela parte traseira, dando de cara com os dois 911 GT3 Cup.

“Esse caminhão é usado para reparos de caixas de câmbio, motores e qualquer componente mais delicado do carro”, disse Dener. “Ele permanece isolado o tempo inteiro no autódromo, com profissionais brasileiros, mas treinados na Alemanha, dentro dele. Ele não só serve para o reparo de problemas, mas também para análises do que ocorreu para que possamos usar as informações preventivamente. Se fizéssemos isso em um box, não teríamos a mesma agilidade e precisão.”

O estande está aberto a visitações no Pavilhão Vermelho do Expo Center Norte (Rua José Bernardo Pinto, 333, na Vila Guilherme), das 12h às 20h, de 2 a 4 de outubro.

PARCEIROS