Garanta Seu Ingresso

De ponta a ponta, Marcel Visconde chega à 3ª vitória no Porsche GT3 Cup Challenge Brasil

Pole position e vitória com liderança de ponta a ponta. Marcel Visconde teve uma sexta-feira perfeita em Interlagos e alcançou sua terceira vitória no Porsche GT3 Cup Challenge Brasil. O piloto paulista, recordista de largadas na categoria (é o único piloto que participou das 125 corridas já realizadas), conteve as aproximações de Roberto Posses na primeira fase da corrida e de Clemente Lunardi, segundo colocado na bandeirada, a partir da segunda metade da prova.

“Esta foi uma vitória categórica”, analisou Marcel, que assumiu o terceiro lugar no campeonato. “Tudo deu certo: o carro estava bom desde o primeiro treino e em momento algum perdi tempo para acertá-lo. A largada foi limpa e tive vantagem porque o Ricardo [Baptista, segundo no grid] se enroscou com o Posses. Depois, o Posses rodou no Bico de Pato e fiquei me alternando com o Clemente: às vezes ele era mais rápido, às vezes eu. Meu carro estava muito estável e continuou bom até a bandeirada”, afirmava o vencedor após a cerimônia de pódio.

Lunardi, segundo colocado, encerrou uma sequência de corridas nas quais faltou-lhe sorte. “Aproveitei as oportunidades que surgiram na largada e ganhei algumas posições. Tentei chegar no Marcel, mas meu carro perdeu um pouco de aderência no final da prova”, explicava. Baptista, por sua vez, considerou o terceiro lugar o melhor resultado que poderia alcançar: “Espalhei um pouco no na curva do Sol e fui ultrapassado pelo Clemente e pelo Viscardi. Meu carro saía de traseira e, quando passei para terceiro, percebi que estava mais lento que o Marcel e o Clemente”.

Na largada, Marcel manteve a vantagem da pole e saiu na frente. Posses e Lunardi fizeram boas largadas e pularam para segundo e terceiro lugares, enquanto Baptista caía para quinto, atrás também de Fábio Viscardi. Na segunda volta, Baptista passou Viscardi e na seguinte ganhou mais uma posição com a rodada de Posses. As três primeiras posições estavam definidas, mas havia uma boa disputa pelo quarto lugar entre Viscardi e Pedro Queirolo, que conseguiu a ultrapassagem depois de sete voltas. Marcelo Franco completou os seis primeiros colocados, e Daniel Paludo protagonizou uma boa disputa com Otávio Mesquita pelo sétimo lugar. Mais atrás, aconteceu uma batalha entre quatro pilotos: Sérgio Ribas, Charles Reed, Zeca Feffer e Adalberto Baptista.

O estreante Fernando Croce protagonizou o único abandono da corrida. Ele teve boa atuação e disputou o sétimo lugar com Paludo e Mesquita até bater na décima primeira volta. Ele conseguiu voltar, mas foi obrigado a parar no box e abandonar com um radiador quebrado.

A prova 12 do Porsche GT3 Cup Challenge Brasil será realizada neste sábado a partir das 9h25, unindo as categorias Cup e Challenge. Otávio Mesquita, oitavo colocado na prova 11, garantiu o direito de largar na pole position na prova 12, devido à regra de grid invertido para os oito primeiros. Entre os pilotos da categoria Challenge, Ipe Ferraiolo sai em primeiro lugar.

Resultado final da prova 11 do Porsche GT3 Cup Challenge Brasil:

1) 55-Marcel Visconde, 16 voltas
2) 7-Clemente Lunardi, a 2.359
3) 27-Ricardo Baptista, a 3.556
4) 13-Pedro Queirolo, a 4.042
5) 81-Fábio Viscardi, a 10.831
6) 70-Marcelo Franco, a 15.123
7) 89-Daniel Paludo, a 16.677
8) 51-Otávio Mesquita, a 19.893
9) 52-Roberto Posses, a 20.159
10) 63-Sérgio Ribas, a 32.041
11) 36-Charles Reed, a 32.140
12) 18-Zeca Feffer, a 33.043
13) 10-Adalberto Baptista, a 34.463
14) 11-Omilton Visconde Jr, a 36.082
15) 75-Henrique Assunção, a 36.358
16) 9-Guilherme Figueirôa, a 38.447
17) 40-Maurizio Billi, a 43.036
18) 64-Henry Visconde, a 51.155
19) 53-Ronaldo Kastropil, a 1:10.962
20) 61-Fernando Croce, a 5 voltas
Melhor volta: Clemente Lunardi, 1:40.151

Classificação do campeonato após 11 provas
1) Ricardo Baptista, 208 pontos; 2) Clemente Lunardi, 156; 3) Marcel Visconde, 149; 4) Fábio Viscardi , 149; 5) Roberto Posses, 118; 6) Marcelo Franco, 95; 7) Pedro Queirolo, 83; 8) Guilherme Figueirôa, 75; 9) Otávio Mesquita, 74; 10) Maurizio Billi, 71; 11) Zeca Feffer, 67; 12) Daniel Paludo, 50; 13) Tom Valle, 49; 14) Omilton Visconde Jr., 49; 15) Adalberto Baptista, 43; 16) Sérgio Ribas, 33; 17) Eduardo de Souza Ramos, 30; 18) Esio Vichiese, 29; 19) Charles Reed, 25; 20) Ronaldo Kastropil, 24; 21) Henry Visconde, 13; 22) Henrique Assunção, 12; 23) Marcos Barros e Fernando Croce, sem pontos.

PARCEIROS