Enzo Elias espera manter o sucesso da Carrera Cup 3.8 também em 2020 – agora na Carrera Cup 4.0

Após assegurar o título da Carrera Cup Sprint series com o carro de motor 3.8, Enzo Elias estreia no Sprint 4.0.

O atual campeão da Carrera Cup Sprint Series 3.8, Enzo Elias está de volta ao grid da Porsche Cup, porém o jovem piloto começa a temporada que completa os quinze anos da categoria com novidades. O ano de 2020 será correndo pela categoria 4.0.

Enzo já pilotou o 4.0 em algumas etapas de Endurance e espera que a experiência anterior com o novo carro o ajude a manter o desempenho do último ano. Com 200 pontos marcados, 4 vitórias outras 4 segundas colocações na última temporada seu Porsche de número #73
Veja o que disse Enzo sobre sua expectativa para a nova temporada que começa no dia 14 de março, em Interlagos:

“Estou muito feliz pela oportunidade de disputar o campeonato deste ano na categoria 4.0. Já tenho certo conhecimento do carro por conta de tê-lo guiado em minhas participações nos campeonatos de endurance. Por eu ser o atual campeão da classe 3.8, já começo a temporada com a grande pressão de manter o bom desempenho que apresentei em 2019”, disse Enzo.

“Me sinto totalmente preparado para este desafio. As expectativas são as melhores, pois entendo que as chances de eu lutar pelo título são reais”, finalizou o jovem campeão.

Para conhecermos um pouco melhor do nosso campeão da Carrera Cup Sprint Series 3.8 preparamos algumas perguntas ao homem por trás do carro #73 nos contar um pouco mais sobre sua vida: curiosidades, hobbies, memórias marcantes no automobilismo e seu Porsche dos sonhos para pilotar nas ruas.

P: Quem é seu ídolo no esporte?

E: Não tem como não citar Ayrton Senna como ídolo, então definitivamente ele e o Hamilton estão entre os ídolos.

P: Qual a primeira lembrança que tem de uma corrida considerando qualquer categoria?

E: Foi minha primeira corrida de kart na vida onde eu estava liderando até a última volta, mas tive um problema no motor.

P: O que sentiu quando acelerou o Porsche pela primeira vez?

E: Foi uma das sensações mais incríveis que senti no automobilismo, o carro é muito bom de pilotar e com certeza o melhor turismo que eu pilotei não vida.

P: Qual a corrida mais importante da carreira e por quê?

E: Última etapa do ano passado, a corrida do título, foi algo que eu sempre sonhei e a última corrida do ano foi a que definiu então foi sem dúvida a mais importante.

P: Qual corrida sonha em ganhar?

E: Sem dúvidas as 24h de Le Mans.

P: Quantas temporadas correndo na Porsche Cup?

E: Estou indo para a terceira na Porsche Cup.

P: Por que escolheu este numeral para seu carro?

E: Sempre foi o meu número é o número da sorte do meu pai logo juntamos e formou o 73.

P: Tem alguma superstição ou ritual antes das corridas?

E: Não mais.

P: Possui algum Hobby fora da pista?

E: Gosto muito de tocar violão.

P: Como entrou para o automobilismo?

E: Foi em umas férias de julho da escola onde uma simples brincadeira se tornou uma grande paixão.

P: Qual seu gênero musical favorito

E: Tenho variados estilos, depende muito do dia, mas um dos que eu mais ouço é rap acústico.

P: Pratica outros esportes? Quais?

E: Musculação apenas.

P: Qual a situação mais estranha que já viu em uma pista de corrida?

E: Um ninho de passarinhos no meio da pista com certeza não foi muito normal.

P: Tem algum apelido?

E: Meu nome é muito curto então sempre fiquei no Enzo.

P: Se pudesse escolher guiar qualquer Porsche de rua no dia a dia qual modelo ia escolher e por quê?

E: Porsche 918 Spyder.

PARCEIROS