Brasileiros da Porsche aceleram carros de Fórmula 1 em Portugal

Um treinamento de sonho aguarda os pilotos do Porsche GT3 Cup Challenge Brasil no autódromo de Algarve. Antes das provas que serão realizadas no dia 24 de março, eles terão a oportunidade de acelerar um carro de Fórmula 1. O treinamento acontecerá na quinta e na sexta-feira e será uma oportunidade extra para os pilotos se ambientarem aos segredos do traçado, um dos mais seletivos do mundo atualmente.

Antes de encarar a potência dos carros de Fórmula 1, os pilotos das categorias Cup e Challenge terão um treinamento com monopostos equipados com motores de 4 cilindros com 2 litros e cerca de 180 cv de potência. Em seguida, será a vez de dar quatro voltas em um carro de Fórmula 1 equipado com motor Cosworth de 650 cv e câmbio com acionamento por borboletas atrás do volante. Também estarão presentes dois Fórmula 1 de dois lugares, que certamente proporcionará emoções aos convidados da organização do Porsche GT3 Cup Challenge Brasil. Os treinamentos serão conduzidos pelos pilotos franceses Stéphane Auger e Patrick Gaillard. Este último tem em seu currículo a participação em dois GPs de Fórmula 1 em 1979, com um Ensign.

“É uma oportunidade única para nossos pilotos”, define Dener Pires, organizador do Porsche GT3 Cup Challenge Brasil. “Vai ter um efeito duplo: conhecer a pista e ‘afiar as garras’ para a competição com os Porsches. Tenho certeza de que eles vão gostar muito da experiência.”

Atualmente concentrada em cursos de pilotagem e clínicas que dão oportunidade aos alunos de pilotar um F1, a francesa AGS é uma das equipes mais tradicionais da Europa. Ganhou corridas no Campeonato Europeu de Fórmula 2 e disputou o Campeonato Mundial de Fórmula 1 entre 1986 e 1991, obtendo resultados como o sexto lugar no GP da Austrália de 1987 com o piloto brasileiro Roberto Moreno. A partir de 1992, retirou-se da Fórmula 1 e passou a utilizar o Circuit du Var, na França, para dar cursos avançados de pilotagem em competição. A “frota” da AGS é composta por modelos como o Peugeot 905 (vencedor da 24 Horas de Le Mans de 1993) e monopostos de Fórmula 1 como os carros da própria AGS, o Arrows-Hart A20 e o Prost-Peugeot AP02.

PARCEIROS