Garanta Seu Ingresso

Gonzalo Huerta: “O fim de campeonato promete!”

Na categoria Challenge, a prova do final de semana teve um desfecho inesperado e dois estreantes nos lugares mais altos do pódio. Além disso, na tabela a diferença do líder Cristiano Piquet para o segundo, o chileno Gonzalo Huerta, caiu para apenas dois pontos. Muita movimentação no campeonato e boas declarações dos pilotos. Confira abaixo!

DECLARAÇÕES DOS PILOTOS

Foi muito emocionante: na largada consegui segurar a vice-liderança. Depois fui vindo atrás do Piquet, ele estava bem rápido. Algumas vezes ele conseguiu abrir, outras eu fui chegando mais perto. Fomos mantendo essa diferença e quando ele teve problema aproveitei. Ele deu uma trancada ali, mas é normal, coisa de corrida. Felizmente consegui dar o “xis” e veio a vitória, foi muito emocionante. Quando eu vi que estava chegando falei “é minha, tá na mão”
CHRISTIAN HAHN

Estou muito feliz e muito surpreso com o resultado. Comecei na clínica de pilotagem aqui cerca de 5s acima dos caras. E com ajuda do meu coach Vini Quadros fui melhorando, então consegui no quali a pole na Sport e terceiro na geral e fui com a estratégia de tentar me manter na pista, porque sabia que na primeira curva aqui sempre tem o risco de enrosco. E foi assim, larguei mais tranquilo e caí para sétimo. Aí fui levando nas pontas dos dedos, o pessoal foi batendo, escapando e ganhei as posições, terminando na segunda colocação no geral e primeira na Sport. Foi uma experiência muito legal, espero conseguir correr mais alguma neste ano, mas minha meta é vir para a temporada que vem completa
MARÇAL MULLER

Estou a dois pontos do Cristiano e isso me deixa feliz. Infelizmente tive um errinho na curva da vitória e Marçal me alcançou. Perdi o segundo lugar ali, mas estou muito contente porque nos treinos não estava tão rápido e na corrida melhorei bastante. É positivo também que as corridas que faltam são nas minhas pistas favoritas. Já ganhei bem em Goiânia e Interlagos também me agrada demais, então o fim do campeonato promete
GONZALO HUERTA

Apesar da dificuldade, missão cumprida. A meta era sair daqui liderando e conseguimos, arrastado trazer o carro para a linha de chegada porque estava muito difícil. Não tinha o que fazer, com falha na bomba de gasolina. Mas estou feliz em manter a liderança
CRISTIANO PIQUET

Foi a corrida mais legal que eu já tive. Nas outras eu tive sorte de andar meio sozinho, disputando pouco. Nessa eu rodei tentando ultrapassar o Luiz Elias, que estava muito rápido, passando muito bem os concorrentes também. Aí vi todo mundo me passar e falei “agora é a hora de eu caçar, de tentar pegar alguma coisa”. O carro ligou e fui buscando, buscando, buscando e adorei a corrida, porque todo mundo que eu conheço fora da pista eu vi dentro da pista. Competimos muito, tivemos grandes disputas e meu carro saiu sem nenhum ralado, sem contato com ninguém. Fiquei feliz e me diverti demais. É incrível que não estamos aqui só para vencer e andar na frente, mas sim desfrutar da velocidade, ultrapassar, lutar por posição. E hoje foi assim
ELOI KHOURI

PARCEIROS